‘Caminhamos em direção a isso’, diz Leo Prates sobre colapso do sistema de saúde e lockdown em Salvador


De acordo com ele, a capital baiana bateu um novo recorde de 103 regulações nas UPAs municipais em 24 horas

['Caminhamos em direção a isso', diz Leo Prates sobre colapso do sistema de saúde e lockdown em Salvador]Foto : Matheus Simoni / Metropress

Por Adele Robichez

O secretário de Saúde de Salvador, Leo Prates, declarou hoje (23), em entrevista à Rádio Metrópole, que a capital baiana caminha em direção ao colapso do sistema de saúde e ao decreto do lockdown. De acordo com ele, a cidade bateu um novo recorde de 103 regulações nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) municipais em 24 horas.

“Caminhamos em direção a isso se a população não se conscientizar”, disse o representante da pasta municipal sobre a possibilidade de Salvador chegar ao ápice da crise sanitária e precisar adotar o confinamento total.

Segundo ele, 63 pessoas foram reguladas nas UPAs municipais no sábado (20) e 56 ontem (21). “Nós estamos batendo recorde de regulação”, revelou. Além disso, informou que amanheceram hoje (22) na cidade mais 47 pessoas pedindo regulação. “Pela primeira vez, passamos de 100 solicitações em 24 horas”, afirmou.

O secretário vai se reunir hoje (22), às 11h30, com hospitais privados para debater a situação do pré-colapso na rede e encontrar “medidas para salvar a vida das pessoas”. Ele reforçou que o SUS é único, ou seja, que “a rede privada é complementar e suplementar ao sistema público”.

Fonte: Metro1